MG: homem "pesca" mulher que se jogou no rio Doce

Um homem que pescava no Rio Doce, em Governador Valadares, no leste de Minas Gerais, conseguiu a proeza de pescar uma mulher que havia se jogado no leito do rio 700 m acima, na ponte conhecida como São Raimundo. Segundo o Corpo de Bombeiros, uma viatura foi acionada pelo pescador Valter Gonçalves Dias, 50 anos. Ele relatou que estava pescando, às margens da rodovia BR-116, quando teria percebido algo estranho e pesado ao puxar a linha.

Dias ouviu gemidos e ao se aproximar da margem para ver o que era, viu algo agarrado à linha pedindo socorro. Muito assustado, chegou a fugir do local pensando ser um "Caboclinho d'água". (O caboclo-d'água, também chamado negro-d'água e bicho-d'água, é uma das lendas mais populares na região do vale do rio São Francisco, sobre um ser fantástico que vive no fundo dos rios e gosta de virar os barcos e atrapalhar as pescarias).


[...]

Em seguida, viram que se tratava de uma pessoa. (Parabéns campeões ) Com a chegada dos Bombeiros, a mulher, identificada como Maria Augusta da Silva, 50 anos, foi resgatada. Ela estava consciente e com suspeita de fratura na clavícula esquerda.


Fotos da proeza:







Agora respondam:


Como é que a mulher foi parar na água?


Ela discutia com seu reflexo na água e o caboclo puxou ela

Ela quis se suicidar. (HAHA Se fudeu! Saiu viva!)

Ela quis ver o barulho que fazia ao cair na água

Queria matar um peixe asfixiando-o e não conseguiu

Foi possuída pelo caboclo-dagua, ele fez ela pular

Tinha fumado um baseado e pensou que poderia voar

Não era uma mulher, era o caboclo-d'água.

Não sei, mas queria saber aonde o anzol entrou

AAAAA... Isso é história de pescador!














Link da notícia no Terra

1 bolinhas de papel:

marcos urgh xD disse...

kkkk.Nem pra se mata esse caralho presta..

Clicky Web Analytics